Meio de volta...

domingo, junho 21


Era o céu.Não era você.
Em nuvens,em desenhos no ar.
Não fuja de mim, só quero te amar!

tenho o mundo nas mãos ,mas sem você nada é o que é.
quero te levar comigo.
quero ser teu amor.
quero te colocar em meu colo.

quero te levar pelas noites escuras e lhe banhar nas águas de sonhos de morpheu.
quero te curar as feridas e tocar na sua alma.quero te imortalizar em corpo,
em minha mente...porque você já esta intocado em meu coração.

sinto o pesar dos seus olhos as lágrimas que me molham o rosto.
sinto você longe de mim. a vida que nos afasta
meu refugio a solidão.
meu amor em sofreguidão.
meus sonhos em morte lenta.
minha vida em jogo.
meu coração em morte e tormenta.

cravado em mim você esta.
amargurada vida que me deixo só.
que amor insano !!
que noite escura?
que dia claro?

Caminho pelo jardim da paz.
Não há lapides.
Só nomes fotos e datas dias cravados em mármores.
Não encontro a paz.
No jardim não há paz.

Você se foi e eu lamento.
Você se foi e choro.
Você se foi e eu ainda te amo.

2 comentários:

  1. lindo esse teu poema, tem um que do lithium de evanescence;

    Blog Suicide Virgin

    ResponderExcluir
  2. boa noite senhorita Latheia, tenhou outro selo para vc

    ResponderExcluir